sábado, 18 de junho de 2016

A diferença entre misericórdia e graça

misericórdia e graça

Misericórdia e graça são frequentemente confundidas. Embora os termos tenham significados semelhantes, graça e misericórdia não são a mesma coisa.

Para resumir a diferença, a misericórdia é Deus não nos castigando como merecem os nossos pecados e a graça é Deus nos abençoando apesar de não merecermos. Misericórdia é a libertação do julgamento, enquanto graça é estender bondade aos indignos.

Segundo a Bíblia, todos nós pecamos (Eclesiastes 7:20, Romanos 3:23, 1 João 1:8). Como resultado do pecado, todos nós merecemos a morte (Romanos 6:23) e julgamento eterno do lago de fogo (Apocalipse 20:12-15).

Com isso em mente, todo dia que vivemos é um ato de misericórdia de Deus. Se Deus nos desse tudo o que merecemos, todos estaríamos, agora, condenados por toda a eternidade.

No Salmo 51:1-2, Davi clama: "Tem misericórdia de mim, ó Deus, por teu amor; por tua grande compaixão apaga as minhas transgressões. Lava-me de toda a minha culpa e purifica-me do meu pecado."

Um apelo a Deus por misericórdia é pedir a Ele que suspenda o julgamento que merecemos e, ao invés, conceda-nos o perdão que não merecemos.

Não merecemos nada de Deus. Deus não nos deve nada. Qualquer coisa boa que tivermos em nossas vidas é um resultado da graça de Deus (Efésios 2:5).

Graça é simplesmente um favor imerecido. Deus nos dá coisas boas que não merecemos e que nunca poderíamos ganhar por nós mesmos.

Resgatados do julgamento pela misericórdia de Deus, a graça é tudo o que recebemos além dessa misericórdia (Romanos 3:24).

A graça comum refere-se à graça soberana que Deus concede a toda a humanidade independentemente da sua posição espiritual diante dele, enquanto que a graça salvadora é a dispensa especial da graça pela qual Deus soberanamente concede imerecida assistência divina sobre os seus eleitos para a sua regeneração e santificação.

Misericórdia e graça são mais bem ilustradas na salvação disponível através de Jesus Cristo. Merecemos o julgamento, mas se recebermos Jesus Cristo como o nosso Salvador, recebemos a misericórdia de Deus e somos libertos desse julgamento.

Em vez de julgamento, pela graça recebemos a salvação, perdão dos pecados, vida abundante (João 10:10) e uma eternidade no céu, o lugar mais maravilhoso que se possa imaginar (Apocalipse 21-22).

Por causa da misericórdia e graça de Deus, nossa resposta deve ser cair de joelhos em adoração e ação de graças. Hebreus 4:16 declara: "Assim sendo, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade."

GotQuestions.org/Português

Pb. João Placoná

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Do outro lado da vida

vida após vida

“E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quiserem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá passar para cá”. Lucas 16:26

A bíblia tem direção para qualquer situação que envolve o ser humano, exatamente, por isso, que ela é, o nosso manual de vida, nela encontramos às respostas mais complexas que possa existir.

A questão vida eterna, para muito é uma incógnita; sempre ouvimos, ou lemos esta pergunta:

O que haverá depois da morte?

Na verdade, nos não conhecemos ninguém que já tenha sido sepultado e que tivesse voltado para nós informar alguma coisa do que acontece do outro lado da vida.

Há casos sim, de pessoas que foram consideradas mortas pela medicina, e, e retornou-lhes os sentidos novamente, e outras pessoas que foram arrebatadas nos seus sentidos, e tiveram experiências sobrenaturais. Mas o fato é; nos não sabemos sobre alguém que já tenha descido à tumba fria e tenha retornado.

Mas, a Bíblia nunca deixa um questionamento nosso, sem respostas, nós só temos que examiná-la e atentar para os fatos.

Há na Bíblia, casos de ressurreição que não deixam dúvidas, pessoas já enterradas, voltaram a viver.

Exemplo: Lazaro amigo de Jesus, cujo corpo já estava em decomposição, depois da ordem de Jesus, saiu vivo do sepulcro.  “Disse Jesus: Tirai a pedra. Marta, irmã do defunto, disse-lhe: Senhor já cheira mal, porque é de quatro dias”. João 11:39-44.

Do jovem que estava sendo enterrado e caiu sobre os ossos do profeta Eliseu e reviveu. “E sucedeu que, enterrando eles um homem, eis que viram um bando, e lançaram o homem na sepultura de Eliseu; e, caindo nela o homem, e tocando os ossos de Eliseu, reviveu, e se levantou sobre os seus pés”. II Reis 13:21 E outros Servos do Senhor que estavam enterrados quando Jesus foi morto. “A terra se abriu e estes reviveram, e saíram andando dos seus sepulcros e entraram na cidade, e muitos viram. E abriram-se os sepulcros, e muitos corpos dos santos que dormiam foram ressuscitados; E, saindo dos sepulcros, depois da ressurreição dele, entraram na cidade santa, e apareceram a muitos”. Mateus 27:52-53

O mais interessante nestas passagens, é que, nada ficou escrito sobre a experiência destes, não se relata nada sobre eles depois de ressuscitados. Ninguém escreve sobre o que eles contaram que havia acontecido quando ainda estavam mortos.

Há um segredo de Deus em fazer permanecer no oculto o que há lá trás, para que as pessoas façam as coisas certas, não por medo de ir pro inferno, mas por obedecer a Deus.

Os homens precisam acreditar e viver pela fé, seguindo as orientações contidas na Bíblia.

Outro fato que devemos observar é que, Jesus, está sempre enfatizando, que a morte humana, é apenas um sono profundo, Ele está sempre dizendo: não está morto, mas dorme, ou seja, o espírito dele apenas saiu do seu corpo, deixou a casa onde morava, mas o verdadeiro ser espiritual continua vivo em outra dimensão.

Se o espírito não voltar para o corpo, a matéria, carne, perde a eficácia e irá entrar em putrefação, já que, o que dá a vida, é o espírito. “E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em seus narizes o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente”. Gênesis 02:07.

Atente para o verso de Mateus onde lemos que o autor se refere aos santos que dormem. Ou seja, os que estão em Cristo têm garantia de vida eterna com Deus. Apenas, saem desta morada humana, e retorna para seu dono, Deus. “Assim falou; e depois disse-lhes: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono”. João 11:11

Quero chamar a sua atenção para este episódio, porque as pessoas pensam que, morreu e tudo acabou, é ai que está o engano. Depois que se desfalece aqui na terra, é que, começa a vida eterna.

Muitos Pensam que depois que se morre, o espírito virá uma espécie de fantasma, que pode voltar para nos assombrar, até sentimos medo, ficamos assustados.

Porém, os que nos assustam são os que residem ainda neste patamar, quem está do outro lado, não pode vir para cá, há barreiras invisíveis colocadas por Deus, que nos separam.

Se tudo parece-nos estranho é porque, nós estamos com os olhos espirituais fechados, e, estamos presos ao corpo humano; daí as coisas espirituais nos parecem ser esquisitas.

A verdade é que, o mundo espiritual é mais real do que se pode descrever; e, neste trecho bíblico, entre o Rico e Lázaro, ambos já mortos; acontece um diálogo, muito sério, não simplesmente a questão da riqueza, mas, a questão de onde está posto nosso coração, quais são os nossos interesses nesta vida, o porquê nós estamos aqui, e, o que os nossos atos podem reservar para nós.

Há uma realidade contagiante, fato é; existe separação do outro lado para quem andou correto, e para quem andou errado, na terra.

Quando uma pessoa morre em Cristo, esta vai para um lugar diferenciado daqueles que não temem a Deus; a Bíblia diz, que estes vão para o Hades. “E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abrão; e morreu também o rico, e foi sepultado”. Lucas 16:22.  Este versículo fala do lado espiritual dos dois, pois, o lado humano, ambos foram enterrados.

Percebam a normalidade que existe do outro lado, é um mundo nítido, paralelo, eles veem a situação que o outro se encontra. O homem que esta no Hades, ou seja, preso na morte, estava sofrendo muito e aquele lugar era de dores, tormento, fogo, calor abrasivo; quando ele olha para cima, vê Lázaro junto a Abraão, em outro lugar, em clima de paz.

Os mortos se reconheceram de quando estavam vivos na terra. Isto nos leva a entender que, vamos reconhecer as pessoas do outro lado, é por isso que Jesus disse que haverá surpresas, pessoas que achamos que irão para os céus, não estarão lá, já outros que nem imaginamos, vão estar lá, porque Deus conhece os seus. “E, Clamando, disse: Pai Abrão, tem misericórdia de mim, e manda a Lazaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama”. Lucas 16:25

Eu sei que poucos estão se importando com esta questão, a vida após a morte!

Bem verdade que, a grande parte, nem acredita que ela existe, e, dizem que isto é coisa de maluco, porém, esta deveria ser a maior preocupação de qualquer ser humano.  

Olhe o que este homem pediu para Abraão: deixar Lázaro voltar para contar para os seus o que acontece do outro lado.

A preocupação desse homem rico é para que sua família não fosse para onde ele estava. E disse ele: “Rogo-te pois, ó pai, que o mandes a casa de meu pai; Pois tenho cinco irmão, para que lhes dê testemunho, a fim de que não venham também para este lugar de tormento”. Lucas 16:27-28

Pense comigo, neste presente século ninguém conseguiu viver até 130 anos, e, quando passa dos 70 anos começa haver mais fadiga do que contentamento. Vivendo tão poucos anos, à vida aqui nos é tão difícil, e, para muitos a maior parte desses anos são de aflições, tristezas, decepções, angustias e dores. Imaginem passar toda a eternidade sofrendo, no sofrimento que não terá fim?

Eu sei que a Bíblia é para os que creem, e se você crê ou não, céus e inferno existem, então, pense: para onde o seu espírito irá? Pois, quem já se foi, não tem mais conserto, mas, para você que ainda está vivo, ainda tem.

Quem está lá, não pode voltar para nos dizer nada, mas, as coisas que lá acontecem, são reais e verdadeiras. “Além disso, há um grande abismo entre nós, de modo que os que querem atravessar daqui até vocês não podem, como também os daí não podem passar para cá” Lucas 16:26.

Há diferença depois da morte física, para os que servem a Deus e para os que não o servem.

Não devemos esquecer que, depois do julgamento da igreja, os que estiverem no Hades, ainda sofrerão o peso da segunda morte. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo; esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo. Apocalipse 20:14-15

Mas, os que estiverem junto a Deus nunca mais provarão a morte. “Pois não podem mais morrer, porque são iguais aos anjos e são filhos de Deus, sendo filhos da ressurreição”. Lucas 20:36.

Você também acha que a vida é só isto aqui? Aceite um conselho, se preocupe com o que está do outro lado, busque a Deus enquanto há tempo, depois da morte, você nem imagina o que te espera.

Pra. Elza Carvalho 

Pb. João Placoná    

quinta-feira, 9 de junho de 2016

Oração para cura de doença

Deus cura

Esta oração foi feita pra você que está enfermo e precisa urgentemente de uma cura.

Faça-a com fé e com certeza será atendido pelo nosso Senhor Jesus Cristo.

Lembre-se! Ele ouve as nossas orações, pois é Onipotente, Onipresente e onisciente.

“Pai querido, pai amado, humildemente venho à Tua presença, em nome de Jesus, confessar-lhe os meus pecados (confesse-os), pedindo-lhe mais uma vez a sua remissão e em segundo lugar pedir-lhe a minha cura da (nome da doença) que tem me afligido.

Senhor! A Tua Palavra diz que:

Pelas suas pisaduras fomos sarados. - Isaías 53.5b

...Eu irei, e lhe darei saúde. - Mateus 8.7

Eu sou o Senhor que te sara - Êxodo 15.26c

Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. - João 10.10b

Que é o Senhor que perdoa todas as nossas iniquidades, que sara todas as nossas enfermidades. - Salmo 103.3

Porque para Deus nada é impossível. - Lucas 1.37

Diz ainda que:

Se eu pedir alguma coisa em seu nome, o Senhor fará. - João 14.14

Que se eu invocar o teu nome no dia da angústia; o Senhor me livrará, e eu o glorificarei. - Salmo 50.15

Que se eu estiver em Ti, e as tuas Palavras estiverem em mim, tudo o que eu pedir me será feito. - João 15-7

Tudo o que eu pedir em oração, crendo eu receberei. - Mateus 21.22

Pois todo o que pede, recebe; e quem busca, acha; e ao que bate, abrir-se-lhe-á. - Mateus 7.8

Sei que muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas. - Salmo 34.19

Que a Palavra de Deus opera naqueles que creem. - I Tessalonicense 2.13

Sei também que o céu e a terra passarão, mas as Tuas palavras não hão de passar. - Mateus 24.35

Sei também que Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa. Porventura, tendo ele dito, não o fará? Ou, havendo falado, não o cumprirá? - Números 23.19

Por tudo isso, Pai querido, eu creio no seu perdão e na cura da minha doença (nome da doença), e desde já tomo posse em nome de Jesus”.

Amém!

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Oração para quem está desempregado

EMPREGO

Olá! O meu nome é João Placoná, Presbítero João Placoná, esta oração foi preparada por mim especialmente para você que está desempregado, passando necessidades e precisa urgentemente de um emprego.

Faça-a com muita fé!

Pai querido, pai amado, humildemente venho à Tua presença, em nome de Jesus, confessar-lhe os meus pecados e pedir-lhe mais uma vez que me perdoe e, em segundo lugar a Abertura de uma Porta de Emprego.

O desemprego tem-me trazido muita tristeza, tanto em mim como na minha família. Estou passando por grandes dificuldades, preciso de Sua ajuda! Urgente!

Senhor! A Tua Palavra diz que:

..Nunca viu o justo ser abandonado pelo Senhor. Nunca viu a família do homem que ama ao Senhor passar fome e necessidade. Salmo 37.25

Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. - João 10.10b

Para Deus nada é impossível. - Lucas 1.37

Por que vós sois, ó meu Deus, minha esperança... - Salmo 70.5

Diz ainda que:

Se eu pedir alguma coisa em seu nome, o Senhor fará. - João 14.14

Que se eu invocar o teu nome no dia da angústia; o Senhor me livrará, e eu o glorificarei. - Salmo 50.15

Que se eu estiver em Ti, e as Tuas palavras estiverem em mim, tudo o que eu pedir me será feito. - João 15-7

Que tudo posso naquele que me fortalece. Filipenses 4.13

Confio inteiramente na Tua Palavra, pois:

Tudo o que eu pedir em oração, crendo eu receberei. - Mateus 21.22

Pois todo o que pede, recebe; e quem busca, acha; e ao que bate, abrir-se-lhe-á. - Mateus 7.8

Sei que muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas. - Salmo 34.19

Não devo estar inquieto por coisa alguma; antes as minhas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. Filipenses 4.6

Mil poderão cair ao meu lado, e dez mil à minha direita; mas não serei atingido. Salmo 91.7

Que a Palavra de Deus opera naqueles que creem. - I Tessalonicense 2.13

Que o meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as minhas necessidades em glória, por Cristo Jesus. Filipenses 4.19

Sei também que Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa. Porventura, tendo ele dito, não o fará? Ou, havendo falado, não o cumprirá? - Números 23.19

Por tudo isso, Pai querido, eu creio no seu perdão e na abertura de uma Porta de Emprego.

Não se desespere, faça a sua parte, levante cedo, busque emprego, envie Currículos e principalmente, ORE, pois o Senhor o ajudará, com certeza.

AMÉM!

Se você quiser algo mais, visite o meu site: www.ministeriopbjoaoplacona.blogspot.com.br

Pb. João Placoná

sexta-feira, 3 de junho de 2016

O que aprendi assistindo aos cultos de algumas das igrejas da TV

cultos tv

Ligando a sua TV em qualquer dia ou horário, você sempre encontrará alguma igreja na TV transmitindo algo para o telespectador.

Após alguns dias assistindo alguns desses programas tirei algumas lições.

Vejamos algumas delas:

1 – Eu preciso dar o dízimo e ofertas para demonstrar minha fé e ser abençoado por Deus

Encontrei esse aprendizado em quase todos os “cultos” que assisti pela TV. Frases como: “Deus está querendo te abençoar, oferte nesse ministério”, “este ano será de vitória, dê uma oferta de fé”, “sacrifique-se, pois Deus, vendo o seu sacrifício, te abençoará. Por isso, traga sua oferta no valor de…”. “Se você está passando por dificuldades financeiras, o motivo é que você não é dizimista fiel, portanto, está roubando a Deus”.

Aprendi que o que tem fé oferta o máximo. Se não ofertei o máximo ainda tenho que converter meu coração porque minha fé é pequena.

2 – Eu preciso estar em um determinado lugar para receber a bênção de Deus

Aprendi que para ser abençoado por Deus preciso estar em um determinado endereço e em determinada hora.

A mão de Deus age ali, por isso, preciso estar ali. Frases como “a mão de Deus age poderosamente nesse lugar”, “venha receber a sua bênção aqui na rua ‘X’ no horário ‘Y’…” me mostraram que eu preciso me esforçar e me deslocar para alguns lugares para ser abençoado.

Deus precisa que eu vá lá onde Ele está agindo...

3 – Eu preciso comprar objetos ungidos para atingir alguns objetivos da minha vida

Aprendi que preciso ter a chave da vitória para abrir as portas do sucesso; aprendi que preciso do martelo da justiça para que Deus me dê a vitória na minha causa; aprendi que preciso ter a meia ungida para que onde pisar a planta dos meus pés, seja meu; aprendi também que preciso da rosa do amor para que meu relacionamento seja de Deus, que preciso do tijolo ungido para que consiga conquistar a casa dos sonhos.

Aprendi também que preciso comprar o vidrinho com a água do Rio Jordão para lavar os meus pecados.

Aprendi que preciso fazer sacrifícios e adquirir esses objetos que vêm de Deus para que seja abençoado.

4 – Eu preciso obedecer a palavra do meu líder, pois ele é ungido

Aprendi que devo obediência ao meu líder, afinal, ele é o chamado, ele tem a unção especial de Deus. Através dele é que receberei a “vida abundante” de Deus para minha vida.

Aprendi que o líder da Igreja nos dá a cobertura espiritual, portanto, tudo o que pretendemos fazer, tais como, namorar, comprar um bem, vender um bem, buscar novo emprego, fazer uma cirurgia, devemos antes, ouvir o que ele diz.

Ele tem a revelação, ele tem o poder de me conduzir ao poder de Deus que tanto quero. Ele é quem determina minha bênção, minha vitória.

Ele é quem tem a oração forte que agrada a Deus, que abre os caminhos… e, por isso, Deus quer que eu o obedeça em todas as coisas. Meu líder deve ser tudo pra mim!

5 – Eu preciso prosperar, caso contrário, não tenho a fé verdadeira

Aprendi que pobreza não é de Deus. Que o filho de Deus é cabeça e não cauda. Que o filho de Deus foi feito para estar por cima.

Aprendi que sendo Deus o dono do ouro e da prata e eu, seu filho, tenho que possuir riquezas, afinal o meu pai é rico.

Aprendi que se sou pobre é porque ainda não tenho Deus agindo em minha vida. Aprendi que preciso determinar a minha bênção, tomar posse das promessas de Deus.

Afinal, Deus tem que me dar tudo aquilo que Ele prometeu nos versículos que o pastor mostrou na Bíblia.

Bom, citei apenas cinco “aprendizados”, mas teria muito mais para compartilhar. Creio que está evidente o “lixo” que muitas igrejas têm ensinado através da TV.

Lixo esse que chamam de evangelho, mas que não passa de ensinos contrários à Palavra de Deus. Uma maldição sendo ensinada, dia após dia!

Creio que um último aprendizado que deveríamos colocar em prática seria:

Diante de tantas asneiras, sou obrigado a sugerir que desligue a TV; não perca tempo com esses programas nocivos à boa Palavra.

Busque em primeiro lugar o verdadeiro ensino de Deus na Bíblia, procure uma boa Igreja onde você possa receber ensinamentos que verdadeiramente edificarão a sua vida.

Peça ao bom Deus para que não o deixe cair nessas “igrejas” onde levam 20 minutos para pregar a obrigatoriedade do dízimo e 10 minutos para expor a Palavra de Deus – O Evangelho da Salvação.

“Igrejas” onde o “profeta” faz “revelações” ao atacado e prometem curas e prosperidade para todos; dizem até que José, pai de Jesus era um rico empresário do ramo de carpintaria.

Busque uma Igreja onde não exista Teatro, Carnaval de Jesus, Funk, Pagode, Rock, Axé, Show Evangélico com jogos de luzes e fumaça, pastor dançando ou pulando como se fosse o Michael Jackson. Onde os adoradores (cantores) não cobram R$ 20.000, R$ 30.000,00, R$ 50.000,00 como cachê para louvar a Jesus.

Pb. André Sanchez

Pb. João Placoná

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Mensagem a um Doente

Jesus curando

A doença e a morte entraram na criação de Deus por causa do pecado de Adão.

O primeiro homem (Adão) desobedeceu a Deus por querer ser independente de Deus e, até hoje, sofremos as consequências do pecado.

Nascemos, ficamos velhos e morremos! Morremos também devido a um acidente ou uma doença grave.

Quando Jesus esteve no mundo e logo após sua passagem por aqui, foram feitas curas maravilhosas a fim de chamar a atenção das pessoas para o fato de que Deus tinha uma obra ainda maior e maravilhosa para os pobres pecadores. A SALVAÇÃO ETERNA.

As curas de agora são diferentes; Os que fazem curas hoje em dia, geralmente são curas: Dores de Cabeça, Dores Lombares e outras enfermidades visíveis. Dificilmente comprovamos cura do tipo: Cego que passou a enxergar, Paralítico que passou a andar, Cancerosos que foram curados, etc.

É claro que o Senhor pode curar qualquer doença, mas, não é da forma que a TV nos mostra diariamente. Infelizmente, nem sempre o que a TV mostra é verdadeiro.

Em João 16:33 encontramos: “No mundo tereis aflições (tribulações, doenças, dificuldades) mas, não vos desanimeis! EU VENCI O MUNDO!”

Aqui, Jesus afirma que sofreremos aqui na terra, uns um pouco mais, outros um pouco menos.

Assim, apesar das doenças, apesar de toda a fraqueza e enfermidades de que nos assolam, nos atingem, podemos viver felizes e confiantes de que este mundo que rejeitou a Cristo, não é o lugar do cristão. O futuro brilhante nos espera no céu, com CRISTO.

É claro que devemos orar pelos doentes, mas, devemos orar com entendimento e sempre a Deus, em nome de Jesus.

O importante é crermos que o Senhor está no comando e Ele com certeza NÃO nos dará um fardo maior que não possamos carregar.

Quando clamamos ao Senhor, nos momentos de nossas aflições, Ele nos houve e certamente cuidará de nós. Lembremos que só Deus é onipresente, onipotente e onisciente.

– Onipresente: Aquele que está presente em toda parte.

– Onipotente: Aquele que pode todas as coisas.

– Onisciente: Aquele que possui todo o conhecimento, toda a ciência.

Mesmo nós não recebendo a cura naquele momento, Ele nos trará PAZ, RESIGNAÇÃO, FORÇAS E ACEITAÇÃO para que possamos continuar a nossa luta, a nossa jornada.

Jamais devemos esmorecer, jamais devemos desanimar, pois, quando fazemos isso, é como estarmos desacreditando no Senhor.

Não importa se estamos no melhor ou no pior momento de nossas vidas, Deus está conosco e nunca vai nos abandonar.

Uma coisa é certa, quando aceitamos Jesus como o nosso único e suficiente Salvador, nós passamos de criaturas para filhos de Deus.

Todos sabem que os pais sempre dão o melhor para os seus filhos, imaginem então, Deus que é puro, santo, misericordioso, certamente dará o melhor aos seus filhos.

Se ficar doente, ore. Se for da vontade de Deus Ele irá curá-lo. Se isso não acontecer, louve a Deus do mesmo modo, porque Ele certamente tem um propósito naquela enfermidade para você e para quem estiver perto.

Ele está aqui, no meio de nós e com certeza derramará suas bênçãos para que sejamos curados das nossas enfermidades.

Quem crê, diga AMÉM!!!

Pb. João Placoná

quinta-feira, 26 de maio de 2016

A única certeza

a-morte

Então dirá o homem: Deveras há uma recompensa para o justo; deveras há um Deus que julga toda a terra. Salmo 58:11.

Qual é a maior certeza de qualquer Ser Humano? Certamente é que, um dia vai morrer.

Neste estudo estamos nos referindo à morte normal, do corpo. Não estamos levando em conta a possibilidade do Arrebatamento. I Coríntios 15:51,52.

Seja rico ou pobre, grande ou pequeno, branco ou negro, poderoso ou humilde, ninguém escapa do abraço da morte. Quando chegar o momento determinado, seja quem for, onde estiver ela vai lá e toma a pessoa para si e ninguém consegue impedir.

Fico observando as coisas que nos acontece dia a dia e confesso: Meu Deus o que fazer?

Procuro assimilar o contexto da vida, porque as pessoas vão e veem sem saber o que de fato espera por elas, isto me assusta, pois, a maioria pensa, que a vida se resume nisto aqui que vivemos, não tendo ideia da verdade que os aguarda.

Vejo pessoas do meu convívio, parentes, amigos e mesmo outras que nem conheço através da mídia e criamos por elas um carisma, e, de repente, recebemos a noticia: fulano morreu! É impactante, porque a morte aqui é um ponto final, não veremos mais aquela pessoa, só restarão lembranças.

Se elas fizeram coisas boas, ficará um legado em que muitos procurarão imitar, mas, se deixaram coisas ruins, até depois da morte serão praguejadas.

Quando sei que determinada pessoa faleceu, me assusta, e me pergunto: como será que estava a vida dela com Deus?

Não interessa o julgamento das pessoas, pois, estamos na mesma condição, quem irá nos avaliar será Deus.

Quando vejo alguém na mídia, com uma voz, ou talento que arrebata multidões, eu penso, será que ela se preocupa com sua alma?

Sei que isto parece loucura, mas, este é que tem que ser o foco principal de todos.

Porque os anos que vivemos aqui, nada é comparado com a eternidade. Se não fizermos aquilo que nos foi proposto por Deus na nossa missão terrena, em nosso retorno a Deus seremos reconhecidos como servos mal e infiéis.

Porém, Ele lhe disse: Mau Servo, pela tua boca te julgarei. Saibas que eu sou homem rigoroso, que tomo o que não pus, e sego o que não semeei. Lucas 19:22. 

Eu tento, cada dia, aprender de Deus como conscientizar cada ser humano, que a vida se estende pela eternidade, que, o que morre, é o corpo, a verdadeira vida continua viva e é com essa, que realmente devemos nos preocupar.

Precisamos entender que, quando se morre, apenas se despede do patamar terrestre e retorna-se para sua origem.

Estamos aqui com corpo emprestado, de passagem. Esta morada chamada corpo humano, tem um prazo para se residir.

Quando um soldado é recrutado pela sua nação para lutar em outra, ele vai para lá, mas as estratégias de guerra que ele leva é o que aprendeu na sua pátria. É assim que acontece conosco, formos recrutados por Deus na dimensão espiritual para vir a terra como um determinado propósito.

Para ficarmos aqui na terra, necessitamos de um corpo terreno, caso contrário, não teríamos legalidade para ficarmos aqui, seriamos como fantasmas.

O que as pessoas não entendem, é que, a missão de cada um aqui, é corresponder com os padrões dentro da legalidade, ou seja, ter o compromisso de fazer o que é certo, dentro das leis humanas, e principalmente, fazer prevalecer sobre essas leis, às normas trazidas por nós, da nossa origem espiritual.

Como as pessoas são criadas por Deus, temos que fazer sobressair em nós, a vontade de Deus, praticar aquilo que é do seu reino, usar as táticas, as estratégias, os procedimentos de um cidadão dos céus, já que somos parte de Deus, em um corpo humano.

Nós, não temos direito, razão, querer, pior ainda, vontade própria. Somos representantes de Deus, temos que fazer o que Ele manda, seguir os seus ensinamentos, assim, quando voltarmos, nós seremos galardoados como um bom soldado. Combati o bom combate, acabei a carreira, e guardei a fé. II Timóteo 4:07

Isto não é ensinamento religioso, isto é de fato o que acontecerá, cada pessoa vai voltar para onde veio, para prestar contas daquilo para o qual foi designado.

Agora, imagine se vivermos aqui como desordeiro, se nós nos deixarmos ser subornados pelo exército do inimigo, se nós agirmos em desacordo com aquilo para o qual formos enviados, se estivermos distanciados dos padrões de Deus - O que será da nossa vida?

Temos que entender, lá, no céu, não teremos como justificar nada para Deus, porque Ele tudo sabe, Ele conhece os nossos passos, sabe de cada palavra que está dentro de nós antes de falarmos.

Talvez alguns pensem: mas, eu nem sei qual é a minha missão! Pois, eu te digo: andar correto, fazer aquilo que a Bíblia ensina, obedecer aos mandamentos do Senhor, isto basta.

Mas, se alguém quiser se candidatar a perfeito, desfaz de tudo que tem e viva por completo na dependência de Deus. Disse-lhe Jesus: se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me. Mateus 19:21.

Que possamos estar preparados quando o Senhor nos chamar!

Pra. Elza Amorim Carvalho 

Pb. João Placoná